VASCÃO VENCE O ATLÉTICO-MG DE VIRADA NO FIM DO JOGO EM SÃO JANUÁRIO: 2 A 1
Domingo, 15/04/2018 - 18:02
O Vasco da Gama recebeu o Atlético Mineiro em São Januário neste domingo, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar de dominar o jogo, o Vasco viu o Atlético sair na frente no primeiro tempo com um golaço de Otero. Depois de muita pressão. a equipe carioca virou o jogo com gols de Wagner e Pikachu, aos 40 e 53 minutos do segundo tempo.

A vitória deixa o cruzmaltino entre os primeiros colocados do Brasileirão. Na próxima rodada, o Vasco visita a Chapecoense na Arena Condá, no Domingo. Antes porém, a equipe carioca vai à Argentina enfrentar o Racing pela Libertadores, na quinta-feira.

Já o Galo recebe, também no domingo, o Vitória, no Independência. Pela Copa do Brasil, os mineiros visitam o Ferroviário no Castelão, na próxima quarta-feira.

O JOGO

A partida no Rio de Janeiro comçou com o time da casa tomando a iniciativa do duelo. Mal a bola rolou em São Januário, o Vasco assumiu o controle da posse de bola e foi para cima da equipe mineira, que se fechou atrás da linha média e mantinha apenas o centroavante Ricardo Oliveira na altura do círculo central.

A pressão vascaína foi grande nos primeiros minutos. Aos 8, Wellington aproveitou um rebote da defesa e arriscou de longe. O chute saiu forte, mas Victor espalmou e afastou o perigo. No minuto seguinte, boa triangulação pela esquerda, Henrique vai à linha de fundo e cruza para trás. Evander bate de primeira em cima de Luan, e Pikachu pega o rebote e acerta a trave. Na volta, a defesa afastou.

Melhor em campo, o Vasco sofreu um contra-ataque fatal aos 12 minutos. O Galo avançou pela direita, Otero recebeu e soltou um balaço no ângulo oposto que Martín Silva não conseguiu alcançar: 1 a 0 Galo.

O Vasco sentiu o golpe e demorou um pouco para se recuperar em campo, e o Atlético passou a controlar o meio até por volta dos 25 minutos. A partir daí, o Vasco se recompôs e voltou a controlar a posse de bola, se lançando ao ataque em busca do empate.

O Atlético, porém, seguia perigoso nos contra-ataques. Aos 24, Cazares enfiou para Ricardo Oliveira, que entrou na área, tocou por entre as pernas de Paulão e parou na saída de Martín Silva.

O Vasco respondeu aos 30. Primeiro foi Evander que tentou de fora da área mas mandou por cima do gol. Dois minutos depois, Evander recebeu na direita e levantou na área. Riascos acertou bela cabeçada no ângulo, mas Victor voou e tocou para escanteio.

Aos 39, quase o Galo ampliou. Ricardo Oliveira foi lançado na esquerda, avançou e cruzou para o meio da área. Na altura da marca do pênalti, Gustavo Blanco toca de primeira e a bola bate na trave e não entra.

Antes do apito, o Galo ainda chegou com perigo aos 45, novamente pelo lado esquerdo. Cazares arriscou da linha da área e obrigou Martín Silva a se esticar para salvar o segundo gol mineiro.

As duas equipes voltaram sem alterações após o intervalo, e o Vasco continuou persiguindo o gol. Com um minuto de bola rolando, o Vasco espremia o Galo na defesa e Henrique acertou belo chute da frente da meia-lua. Victor mais uma vez estava atento e fez bela defesa.

O panorama do jogo era o mesmo da etapa inicial, com o Vasco controlando a posse de bola e tentando pressionar o Atlético em seu campo. Os mineiros por sua vez, levavam perigo sempre que escapavam em velocidade. Assim foi aos 9, quando após bola cruzada da direita, a defesa rebateu e Blanco acertou chute perigoso que Martín Silva defendeu.

Aos 18, a torcida vascaína chegou a comemorar o gol na cobrança de uma falta por Evander, na esquerda do ataque. O dez do Vasco bateu por cobertura no ândulo, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora.

Aos 23, foi a vez de Ríos perder chance incrível. Thiago Galhardo cruzou da direita, Ríos dominou perto da linha da pequena área e bateu. Victor em lance de puro reflexo, salvou o gol.

A pressão do Vasco era total no final da partida. Aos 40, finalmente saiu o empate. Pikachu cruzou da direita, Ríos tentou de cabeça mas a defesa rebateu. Wagner aproveitou a sobra e bateu firme no canto de Victor: 1 a 1.

Com o empate, o Vasco não desistiu e continuou em cima do Galo. Em um final de jogo dramático. nos acréscimos, aos 52, Rildo é derrubado na área e o árbitro assinala pênalti. Pikachu cobrou e decretou a virada.

O Galo ainda teve a chance do empate aos 56, nos pés de Ricardo Oliveira, que chutou por cima do gol em lance diante do goleiro vascaíno.

GALERIA



VÍDEO



FICHA TÉCNICA

VASCO 2 X 1 ATLÉTICO-MG

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 15 de abril de 2018 (Domingo)
Horário: 16h(de Brasília)
Renda: R$ 176.600,00
Público: 7.197 (6.349 pagantes)
Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Cristhian Passos Sorence (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)
Cartões Amarelos: Henrique, Evander, Ríos, Rildo (Vasco); Bremer, Yago, Fábio Santos (Galo)
Gols:
VASCO: Wagner, aos 41, Pikachu, aos 53 min do 2º tempo
ATLÉTICO-MG: Otero, aos 12 min do 1º tempo

VASCO: Martín Silva, Rafael Galhardo (Rildo), Paulão, Werley e Henrique; Leandro Desábato, Wellington (Thiago Galhardo), Evander, Yago Pikachu e Wágner; Duvier Riascos (Andrés Ríos)
Técnico: Zé Ricardo

ATLÉTICO-MG: Victor, Patric, Bremer, Gabriel e Fábio Santos; Elias, Luan, Gustavo Blanco (Yago), Juan Cazares (Roger Guedes) e Rómulo Otero (Erik); Ricardo Oliveira
Técnico: Thiago Larghi

TROFÉU NETVASCO 2018

Dê suas notas agora!
Col.JogadorMédiaCol. no anoMédia no ano
Yago Pikachu8.196.51
Wagner7.635.41
Thiago Galhardo7.335.81
Rildo7.246.30
Leandro Desábato6.286.50
Paulão5.8112º4.97
Martín Silva5.596.83
Riascos5.1911º5.15
Wellington5.0314º4.88
10ºAndrés Ríos4.7913º4.89
11ºRafael Galhardo4.1816º4.54
12ºHenrique4.155.73
13ºWerley4.09*4.36
14ºEvander3.8515º4.75

* = não classificado (menos de 10 jogos) | Total de votos: 5837 | Ranking 2018

Fonte: Gazeta Esportiva (texto, ficha), GloboEsporte.com (vídeo)