COM GOL DE FALTA DE NENÊ, VASCO VENCE RIVER PLATE E TERMINA FLORIDA CUP EM 3º: 1 A 0

Sábado, 21/01/2017 - 20:09
comentários

O Vasco encerrou sua participação na Copa Flórida na tarde deste sábado com uma vitória por 1 a 0 sobre o Ríver Plate. Sem apresentar um bom futebol e inferior em campo a equipe argentina, o time de São Januário contou com mais uma vez com Nenê, que, de falta, marcou o único gol do jogo.

A vitória garantiu o terceiro lugar para o Vasco na competição, e fecha a pré-temporada nos Estados Unidos com um tom positivo após a goleada de 4 a 1 sofrida na última quarta-feira diante do Corinthians, na semifinal do torneio.

O JOGO

Vasco e River Plate fizeram um primeiro tempo de poucas jogadas ofensivas. A equipe argentina foi melhor e manteve o controle da posse de bola. No início, o Vasco tentou marcar sob pressão a saída de bola, mas a equipe de Marcelo Gallardo soube sair tocando.

Por outro lado, a marcação no meio de campo era forte de ambos os lados, e as jogadas de ataque foram raras. O jogo não fluia e foi ficando muito truncado entre as duas intermediárias.

O Cruz-Maltino abandonou a marcação da saída de bola para se fechar na defesa e buscar os contra-ataques. O passe muito ruim, não ajudava os cariocas a conseguir chegar perto da área argentina.

A equipe de Cristóvão Borges teve apenas duas chances de abrir o placar na primeira etapa. Aos 31, Yago Pikachu anaçou pela direita e arriscou chute cruzado de fora da área, mas a bola foi pela linha de fundo. Dez minutos depois, Thalles recebeu na direita da área, o goleiro Batalla saiu para tentar cortar e o atacante tentou por cobertura. A bola pingou no travessão e a defesa afastou.

No segundo tempo, talvez pelo desgaste das duas equipes, o jogo ficou mais aberto. O Ríver chegou mais vezes, e teve dois gols anulados por impedimento.

Aos 7, Ríver avança pela esquerda e a bola é cruzada para a área, após corte parcial de Luan, Alario toca de calcanhar para trás e na hora do chute, Alario é travado por Luan. Três minutos depois, Alario, livre na área, recebe de Oliveira e toca para o fundo da rede, mas estava em posição irregular.

Aos 18, novo ataque pela esquerda e Martínez mandou para a área. Alario tentou o cabeceio mas só desviou a bola para o Uruguaio Mora, que entrava no segundo pau, tocar para o gol. Lance polêmico que a arbitragem optou por invalidar mais uma vez.

O lado direito da defesa do Vasco continuava abreto, e o Ríver teve outra chance aos 21 em novo cruzamento de Martínez. Livre, Mora mandou para o gol, mas Martín Silva estava bem colocado e salvou o cruz-Maltino.

Aos 29, a estrela de Nenê brilhou e o meia conseguiu marcar o gol que decretou a vitória do Vasco. Andrezinho é derrubado na frente da meia lua pela direita e o juiz marca a falta. Nenê cobrou com perfeição, encobriu a barreira, e a bola morreu no ângulo esquerdo de Batalla, que nem se mexeu.

Os quinze minutos finais foram de pressão total do Ríver. O Vasco passou sufoco, mas conseguiu segurar o resultado.

VÍDEO



GALERIA

























FICHA TÉCNICA

VASCO 1 X 0 RIVER PLATE-ARG

Competição: Florida Cup Playoff - Decisão do 3º lugar

Estádio: Bright House Networks Stadium - Orlando, Flórida (EUA)
Data: 21/01/2017 (sábado)
Hora: 18h15 (Horário de Brasília/horário de verão) - 15h15 (horário local)

Árbitro: Vincent Apple-Chiarella (EUA)
Árbitro Assistente 1: Hassan Belmnahia (EUA)
Árbitro Assistente 2: Esteban Rosano (EUA)
4º Árbitro: Daniel Gutierrez (EUA)

Acréscimo 1º tempo: 2'
Acréscimo 2º tempo: 3'

Público: Não divulgado
Renda: Não divulgada

Cartões Amarelos: Arzura 42'/1ºT (RIV), Madson 41'/2ºT (VAS), Rafael Marques 45'/2ºT (VAS)
Cartões Vermelhos: -

Gols: Nenê (falta) 29'/2ºT (VAS)

VASCO: Martín Silva; Yago Pikachu (Madson 20'/2ºT), Luan (Jomar 8'/2ºT), Rodrigo (Rafael Marques, intervalo) e Henrique (Alan Cardoso 33'/2ºT); Evander (Andrezinho 16'/1ºT), Julio dos Santos, Escudero e Nenê; Eder Luis e Thalles (Éderson, 41'/2ºT). Técnico: Cristóvão Borges.

RIVER PLATE-ARG: Batalla; Jorge Moreira, Maidana, Lucas Martínez e Luis Olivera; Leonardo Ponzio (Nicolás Domingo 18'/2ºT), Joaquín Arzura (Mayada 10'/2ºT), Matías Moya (Tomás Andrade 10'/2ºT) e Gonzalo Martínez; Driussi (Mora 10'/2ºT) e Alario. Técnico: Marcelo Gallardo.

Obs.: O regulamento da Florida Cup não impõe limite ao número de substituições.

TROFÉU NETVASCO 2017

Dê suas notas agora!

Col.JogadorMédiaCol. no anoMédia no ano
Nenê8.1313*7.4457
Martín Silva7.5583*7.0549
Luan6.6375*5.8698
Andrezinho5.8917*5.3593
Yago Pikachu5.7708*4.7689
Henrique5.7375*5.6479
Evander5.5938*6.0041
Guilherme Costa5.1966*5.5493
Thalles5.1333*4.4133
10ºEder Luis4.8771*5.2663
11ºAlan Cardoso4.8732*4.7076
12ºÉderson4.8626*4.6832
13ºRodrigo4.8542*5.0504
14ºJomar4.7271*4.7271
15ºRafael Marques4.5479*3.6720
16ºJulio dos Santos4.0146*4.0171
17ºMadson3.9979*4.2626
18ºEscudero3.9604*4.0179

* = não classificado (menos de 10 jogos) | Total de votos: 480 | Ranking 2017



Fonte: Gazeta Esportiva (texto), NETVASCO (ficha), GloboEsporte.com (vídeo), Florida Cup (fotos), Twitter oficial do River Plate (foto)