VASCÃO VENCE O VOLTA REDONDA E SEGUE LÍDER ISOLADO: 2 A 0

Quarta-feira, 10/02/2016 - 21:39
comentário(s)

O Vasco conseguiu mais uma vitória no Campeonato Carioca, a terceira consecutiva. Na noite desta quarta-feira, em São Januário, no Rio de Janeiro, o Cruz-Maltino derrotou o Volta Redonda por 2 a 0, pela terceira rodada, chegou aos nove pontos e lidera o Grupo A com 100% de aproveitamento. Nenê, de pênalti, e Thalles anotaram os gols do jogo. O Voltaço, estacionado com quatro pontos, conseguiu, porém, se manter na zona de classificação do Grupo B.

O JOGO

O Vasco iniciou a partida em busca do ataque, mas sofria com a retranca do Volta Redonda. Os visitantes esperavam os erros de passe dos cruz-maltinos para chegarem ao setor ofensivo. No entanto, o que se viu foram dois ataques ineficientes e nenhuma chance real de gol.

O panorama da partida continuou o mesmo durante grande parte do primeiro tempo. Tanto que o primeiro chute no gol veio somente aos 27 minutos. Rodrigo arriscou de longe, sem qualquer dificuldade para o goleiro Mota.

O lance animou os vascaínos, que tiveram sua melhor chance aos 33 minutos. Após cruzamento, a bola passou por todos e sobrou para Julio dos Santos no bico da área. O paraguaio chutou cruzado, mas a bola passou raspando o travessão.

Enquanto o Vasco seguia em busca do gol, quem quase abriu o placar foi o Volta Redonda, aos 41 minutos. Em contra-ataque rápido, a bola foi lançada para Niltinho. O atacante chutou da entrada da área e acertou a trave direita de Martín Silva. A resposta dos donos da casa veio no minuto seguinte. Após cobrança de escanteio, a bola passou por todo mundo e Eder Luís apareceu para cabecear na trave. Com isso, o duelo foi para o intervalo com o placar inalterado.

O Vasco voltou mais eficiente para o segundo tempo, embora tenha demorado para criar perigo. Porém, quando criou abriu o placar, aos 15 minutos. Nenê cruzou da direita, Thalles, que tinha acabado de entrar, cabeceou e a bola bateu na barriga de Mailson. O árbitro equivocadamente anotou pênalti. Como de costume Nenê bateu com eficiência e colocou o Cruz-Maltino em vantagem.

Aos 19 por muito pouco o Vasco não ampliou novamente na tabelinha Thalles e Nenê. Dessa vez a bola sobrou na área para o apoiador, que chutou para grande defesa do goleiro. O Voltaço, no minuto seguinte, deu a resposta mostrando não estar entregue. Vinícius Pacheco recebeu na entrada da área e chutou para defesa de Martin Silva.

Thalles realmente estava a fim de jogo e aos 22 minutos quase marcou um golaço. Ele aproveitou jogada de Andrezinho e, de bicicleta, mandou a bola para fora. O Voltaço, porém, seguia tentando e, aos 29, Niltinho exigiu elasticidade de Martin Silva em chute de fora da área.

Aos 33 minutos o Volta Redonda perdeu um gol incrível. Após cobrança de falta, Tiago Amaral cabeceou e Martin Silva deu rebote, Niltinho, com o gol vazio, mandou a bola na rede pelo lado de fora. Cinco minutos depois foi a vez de o arqueiro uruguaio ceder escanteio em chute de Bruno Barra.

Aos 45 minutos o zagueiro Luan foi expulso após parar um contra-ataque do Volta Redonda com falta. Ele já tinha cartão amarelo e recebeu o vermelho de maneira correta. Mesmo com um a menos o Vasco conseguiu confirmar a vitória chegando ao segundo gol aos 48. Nenê foi lançado pela esquerda, invadiu a área e cruzou para Thalles escorar para o fundo da rede.

O Vasco volta a campo no próximo domingo, às 17h(de Brasília), contra o Flamengo no primeiro clássico do Estadual. Sem o Maracanã, em obras, o duelo será em São Januário. Já o Voltaço, na segunda-feira, às 19h30(de Brasília), recebe a Portuguesa no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

VÍDEO



GALERIA



FICHA TÉCNICA

VASCO 2 X 0 VOLTA REDONDA

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/Hora: 10/02/2015 (4ª-feira) - 19h30 (horário de Brasília/horário de verão)

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Assistentes: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Diogo Carvalho da Silva (RJ)

Renda/Público: R$ 168.530,00 - 4.986 pagantes - 5.534 presentes

Cartões amarelos: Bruno Barra 15'/1ºT (VOL), Luan 34'/1ºT (VAS), Jorge Henrique 40'/1ºT (VAS), Nenê 43'/1ºT (VAS), Rodrigo 34'/2ºT (VAS), Martín Silva 46'/2ºT (VAS)
Cartões vermelhos: Luan (2º amarelo) 44'/2ºT (VAS)

Gols: Nenê (pênalti) 15'/2ºT (VAS), Thalles 48'/2ºT (VAS)

VASCO: Martín Silva; Madson (Bruno Gallo 32'/2ºT), Luan, Rodrigo e Julio César; Julio dos Santos, Andrezinho e Nenê; Eder Luis (Thalles 9'/2ºT), Jorge Henrique (Yago Pikachu, intervalo) e Riascos. Técnico: Jorginho.

VOLTA REDONDA: Mota; Marrone (Luís Gustavo 35'/2ºT), Maílson, Luan e Cristiano; Bruno Barra, Marcelo e Vinícius Pacheco (Pedro Isidoro 35'/2ºT); Niltinho, Dija Baiano (Rafael Pernão 35'/2ºT) e Tiago Amaral. Técnico: Felipe Surian.

TROFÉU NETVASCO 2016

Dê suas notas agora!

Col.JogadorMédiaCol. no anoMédia no ano
Martín Silva9.2954*7.9429
Nenê8.3201*8.7286
Thalles7.5314*7.5314
Rodrigo6.8069*7.1318
Madson6.6452*6.9406
Andrezinho6.3812*7.0193
Eder Luis6.3465*6.8429
Yago Pikachu6.2508*6.6420
Júlio César6.1733*6.3772
10ºJulio dos Santos5.9835*5.8917
11ºBruno Gallo5.7607*5.9665
12ºRiascos5.4356*7.5067
13ºLuan5.2294*6.3692
14ºJorge Henrique4.6980*5.3275

* = não classificado (menos de 10 jogos) | Total de votos: 606 | Ranking 2016



Fonte: Gazeta Esportiva (texto), NETVASCO (ficha), Flickr oficial do Vasco (fotos), O Globo (fotos), Youtube (vídeo)