VASCO PERDE PARA A PONTE PRETA EM SÃO JANUÁRIO: 3 A 0

Quarta-feira, 03/06/2015 - 21:20
comentário(s)

O Vasco segue sem vitórias no Campeonato Brasileiro. Em partida disputada na noite desta quarta-feira, em São Januário, a equipe carioca voltou a decepcionar e acabou derrotada de forma vexatória pela surpreendente Ponte Preta, por 3 a 0. Os tentos campineiros foram anotados por Diego Oliveira, Tiago Alves e Borges.

O frustrante resultado manteve o atual campeão carioca com apenas três pontos ganhos, provisoriamente, na 17ª posição. A Ponte Preta, que realiza ótimo início de campanha, é a segunda colocada com 11 pontos ganhos. Foi a primeira vitória da equipe paulista em São Januário na história do confronto entre os dois clubes.

A Macaca nem precisou ser brilhante para conseguir a vitória. O time dirigido por Guto Ferreira se aproveitou dos muitos erros cometidos pela equipe carioca para construir o placar. O Vasco mostrou muito nervosismo, desperdiçou um pênalti, quando perdia por 1 a 0, e ainda teve o goleiro Jordi expulso, ainda no primeiro tempo.

No segundo tempo, mesmo inferior numericamente, a equipe cruz-maltina lutou muito para mudar o resultado, mas a Ponte soube se defender e ampliar a vantagem. E o atacante Gilberto ainda recebeu cartão vermelho, decisão que mereceu aplausos endereçados ao árbitro pela revoltada torcida da casa.

Na próxima rodada, o Vasco vai enfrentar o Atlético Paranaense, na Arena da Baixada. A Ponte Preta vai encarar o Santos, na Vila Belmiro.

O JOGO

O torcedor ainda não tinha se acomodado quando a Ponte Preta marcou o primeiro gol. Diguinho perdeu a bola no meio-campo, Renato Cajá invadiu pela esquerda e chutou cruzado. A zaga não conseguiu cortar e Diego Oliveira empurrou para as redes. A torcida mostrou que a paciência estava curta e logo passou a vaiar cada erro de passe da equipe carioca.

O Vasco ainda tentou reagir imediatamente, mas se limitou a dois chutes fracos de Dagoberto e Rafael Silva, defendidos com facilidade pelo goleiro Marcelo Lomba.

A Ponte Preta tentava se aproveitar das falhas da equipe cruz-maltina para armar jogadas de velocidade, quase sempre organizadas por Renato Cajá.

Aos 12 minutos, Madson investiu pela direita e cruzou. Gilberto tentou a cabeçada, mas a bola subiu demais.

Aos 18 minutos, quase que a Ponte amplia. Biro Biro recebeu na entrada da área e bateu forte. Jordi defendeu parcialmente e Diego Oliveira completou para fora, desperdiçando a oportunidade.

Aos 22 minutos, Gilberto se enroscou com o zagueiro Pablo na grande área e o árbitro marcou pênalti. Gilberto bateu no meio do gol e Marcelo Lomba defendeu com a perna direita. Logo depois, Rafael Silva cabeceou e Lomba fez outra grande defesa.

Aos 28 minutos, Felipe Azevedo foi lançado nas costas do zagueiro, driblou o goleiro Jordi, fora da área, e foi derrubado. O árbitro marcou a falta e expulsou o goleiro da equipe carioca. Charles entrou no gol e viu a bola bater na sua trave, na cobrança executada por Renato Cajá. Mesmo com dez jogadores, o time dirigido por Doriva seguia lutando para mudar sua sorte na partida. Aos 36 minutos, após cruzamento na área, Christiano cabeceou na trave. No rebote, Rafael Silva cabeceou e Marcelo Lomba fez a defesa.

Dois minutos depois, a equipe de Campinas ampliou a vantagem. Após cobrança de escanteio, Josimar desviou e Tiago Alves, livre, cabeceou para marcar o segundo gol.

O Vasco voltou para o segundo tempo com Jackson Caucaia e Yago nas vagas de Diguinho e Dagoberto, numa tentativa de Doriva de tornar o time mais ofensivo.

A Ponte Preta voltou mais acomodada, parecendo mais interessado em administrar a vantagem do que partir em busca de outros gols. Mesmo com um jogador a menos, o Vasco seguia tentando a reação. Aos oito minutos, o goleiro Marcelo Lomba saiu nos pés de Christiano para evitar que o lateral concluísse a jogada. Dois minutos depois, Lomba defendeu em cima da linha, o que ocasionou protestos da torcida, mas o lance foi legal.

Aos 22 minutos, Marcelo Lomba dominou mal uma bola recuada e permitiu a aproximação de Gilberto. O atacante dividiu com o goleiro, mas a bola acabou saindo. Aos 32 minutos, Borges foi lançado na área, entrou livre e chutou, mas Charles defendeu parcialmente. Luan errou ao tirar a bola na área e Renato Cajá lançou Borges novamente. O atacante teve calma para colocar a bola fora do alcance do goleiro Charles.

O terceiro gol fez torcida perder a esperança. Muitos torcedores deixaram São Januário. Os outros ficaram para hostilizar os jogadores. Aos 37 minutos, o goleiro Charles evitou novo gol de Borges, defendendo um chute do atacante que estava livre na área.

Para piorar a situação, o atacante Gilberto reclamou de forma ostensiva com o árbitro e recebeu cartão vermelho. E a torcida do Vasco gritou o nome do árbitro, aplaudindo a sua decisão de expulsar o jogador vascaíno. Nos minutos finais, a torcida ainda gritou "olé" para a troca de passes da Ponte Preta. E vaiou intensamente os jogadores cariocas.

GALERIA






















VÍDEO

Gols:



Melhores Momentos:



FICHA TÉCNICA

VASCO 0 x 3 PONTE PRETA

Local: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro-RJ
Data: 3 de junho de 2015, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)

Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG) e Márcio Eustáquio Santiago-MG

Cartões amarelos: Guiñazú e Gilberto (Vasco); Pablo, Felipe Azevedo e Borges (Ponte Preta)
Cartões vermelhos: Jordi e Gilberto (Vasco)

GOLS
PONTE PRETA: Diego Oliveira, a 1 minuto do primeiro tempo, Tiago Alves, aos 38 minutos do primeiro tempo, e Borges, aos 32 minutos do segundo tempo

VASCO: Jordi; Madson, Rodrigo, Luan e Christiano; Guiñazu, Diguinho (Jackson Caucaia) e Julio dos Santos (Charles); Dagoberto (Yago), Rafael Silva e Gilberto. Técnico: Doriva

PONTE PRETA : Marcelo Lomba; Rodinei, Tiago Alves, Pablo e Gílson; Josimar, Fernando Bob e Renato Cajá (Roni); Biro Biro, Felipe Azevedo (Cesinha) e Diego Oliveira (Borges). Técnico: Guto Ferreira

TROFÉU NETVASCO 2015

Dê suas notas agora!

Col.JogadorMédiaCol. no anoMédia no ano
Charles4.2219*4.2219
Guiñazú4.14906.8191
Rodrigo3.65896.5628
Jackson Caucaia3.0017*3.0017
Jordi2.2434*4.7899
Yago2.051319º4.8518
Madson1.98686.2976
Christianno1.963616º5.1087
Julio dos Santos1.857610º5.6985
10ºRafael Silva1.846017º5.0468
11ºDagoberto1.743411º5.5551
12ºDiguinho1.5513*3.0984
13ºLuan1.40236.6938
14ºGilberto1.37256.7494

* = não classificado (menos de 10 jogos) | Total de votos: 604 | Ranking 2015

Fonte: Gazeta Esportiva (texto, ficha), Youtube (vídeos), Flickr oficial do Vasco (fotos)