Netvasco
Clube
Notícias
Futebol
Esportes
História
Torcidas
Mídia
Interativo
Multimídia
Download
Miscelânea
Especial

Busca pesquisar

Celular
FAQ
Orkut
RSS
Twitter
Chat
Vídeos

NETVASCO - 03/06/2010 - QUI - 22:53 - VASCO PERDE PARA O GUARANI EM SÃO JANUÁRIO: 1 A 0

Os pouco mais de seis mil torcedores que foram ao estádio de São Januário nesta quinta, além do frio, tiveram que encarar um jogo ruim. O pouco ousado Guarani conseguiu uma vitória de 1 a 0 sobre um Vasco sem inspiração alguma. Roger marcou nos acréscimos. Revoltada, a torcida cruzmaltina chamou o time de "sem vergonha" e gritou "ão, ão, ão, Segunda Divisão", além de pedir que a diretoria contrate reforços para a sequência do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, Bugre pulou para nove pontos e agora é o sétimo. A equipe da Colina permaneceu com cinco e, na 19ª posição, segue na área da degola.

No próximo domingo, às 16h (de Brasília), o Vasco vai até a Vila Belmiro encarar o Santos. No mesmo dia, às 18h30m, o Guarani recebe o Grêmio Prudente no Brinco de Ouro. Será a última rodada antes da parada para a realização da Copa do Mundo.

O JOGO

Na véspera do jogo, o técnico Celso Roth avisou que o Vasco precisaria se impor dentro de sua casa para conseguir a vitória. E foi isso que o time da Colina tentou desde o apito inicial do árbitro. A primeira boa jogada de ataque aconteceu aos seis minutos. Philippe Coutinho deu ótimo lançamento para Elton, que ficaria de cara para o gol se não fosse o goleiro Douglas, que se antecipou e tirou o perigo com os pés. Fechado no campo de defesa, o Bugre se limitava a chutões na direção de Roger e Mazola, que tinham dificuldade contra os defensores cruzmaltinos.

Apesar da falta de criatividade no meio de campo, o Vasco tentava pressionar na base da vontade. As jogadas saiam, na maioria das vezes, quando passavam pelos pés de Philippe Coutinho. Aos 16 minutos, o meia-atacante cobrou escanteio e o zagueiro Fabão cabeceou contra seu gol. Douglas tentou afastar, a bola acertou o travessão e saiu. Após o novo escanteio, Elton desviou de cabeça e Nilton por pouco não colocou para o fundo do gol.

Aos 22 minutos, o Guarani assustou em uma bobeada de Fernando Prass. Depois da cobrança de escanteio, o goleiro soltou a bola dentro da pequena área, perto de Fabão, que, desequilibrado, não conseguiu fazer a conclusão. Aos 30 minutos, o Bugre voltou a mostrar que não estava morto no jogo. Nilton errou na saída de bola, Baiano puxou o contra-ataque e tocou para Baiano. O camisa 10 mandou uma bomba e quase acertou o ângulo do Vasco.

A última boa trama de ataque do Vasco na primeira etapa foi aos 33 minutos. Philippe Coutinho recebeu na direita e cruzou na direção de Elton, mas Douglas dividiu com o atacante vascaíno e impediu o gol. Os donos da casa foram para o vestiário com Dodô no lugar de Elton, que saiu machucado. A torcida vaiou o time e pediu mais disposição.

Logo no início da segunda etapa, aos quatro minutos, o Vasco irritou os torcedores novamente. Dentro da área, Dodô bateu prensado e a bola sobrou para Philippe Coutinho, que chutou cruzado. De cara para o gol, Jéferson colocou a cabeça na área e mandou por cima da meta. Chance incrível desperdiçada.

Aos 11 minutos, foi a vez do Bugre mostrar suas armas. Baiano cobrou na medida para Renan, que, livre na pequena área, mandou à direita do gol. O Vasco voltou a ameaçar aos 18 minutos. Élder Granja fez boa jogada pela direita e cruzou na entrada da área para Philippe Coutinho. O meia-atacante arriscou, a bola pegou na defesa e quase enganou o goleiro Douglas.

Vendo a dificuldade do Vasco de se organizar no ataque, o Guarani passou a se arriscar um pouco mais para tentar surpreender o adversário. Aos 25 minutos, Moreno aproveitou um rebote da zaga e, após desviar, a bola passou rente à trave direita. Perto da reta final da partida, o Gigante da Colina ensaiou nova pressão. Aos 42, Léo Gago bateu falta da entrada da área e errou por pouco.

Aos 42, na última grande chance do Vasco: Philippe Coutinho entrou driblando em velocidade na área do Guarani e tocou na saída do goleiro. Mas errou.

O castigo veio nos acréscimos. Fabinho cruzou da esquerda, Roger aproveitou falha de Cesinha, dominou e tocou na saída de Fernando Prass

Assim que o jogo acabou, alguns torcedores entraram em confronto com policiais militares, mas o princípio de confusão foi logo controlado.

GALERIA

[an error occurred while processing this directive]

VÍDEO



Melhores momentos

FICHA TÉCNICA

VASCO 0 x 1 GUARANI

VASCO: Fernando Prass; Elder Granja, Cesinha, Dedé e Ernani; Nilton, Rafael Carioca, Souza (Léo Gago 23/2º) e Jéferson (Fumagalli 14/2º); Philippe Coutinho e Elton (Dodô 37/1º).
Técnico: Celso Roth

GUARANI: Douglas; Da Silva, Fabão, Ailson e Márcio Careca; Renan, Maycon, Baiano (Mário Lúcio 34/2º) e Preto (Moreno 24/2º); Mazola (Fabinho 43/2º) e Roger.
Técnico: Vagner Mancini

Data: 03/06/2010 (quinta-feira). Hora: 21h
Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva (GO) e Marco Antônio de Mello Moreira (GO)
Público: 6.002 (pagantes) e 7.828 (presentes)
Renda: R$ 90.800,00
Cartões amarelos: Ernani 42/1º e Nilton 19/2º (Vasco). Márcio Careca 23/1º, Da Silva 33/2º e Mazola 23/1º (Guarani).
Gol: Roger 48/2º

ESTATÍSTICAS



TROFÉU NETVASCO 2010

Dê suas notas agora!

Col.JogadorMédiaCol. no anoMédia no ano
Philippe Coutinho4.62956.9978
Fernando Prass4.16117.2299
Élton3.00235.9470
Cesinha2.5362*4.9982
Dedé2.4902*5.5202
Fumagalli2.2520*5.2797
Rafael Carioca2.178414º5.4076
Dodô2.173815º5.0879
Léo Gago2.16345.8682
10ºJéferson2.0944*5.3306
11ºSouza2.05066.0865
12ºNilton2.048311º5.5697
13ºÉlder Granja1.766417º4.5041
14ºErnani1.5086*5.1721
* = não classificado (menos de 10 jogos) | Total de votos: 869 | Ranking 2010

Fonte: GloboEsporte.com (texto, vídeo), UOL (ficha), Siga Seu Time (estatísticas), O Globo online (foto), Site oficial do Vasco (fotos)

índice | envie por e-mail | espalhe

Anterior: 22:08 - José de Caldas Souza (DF) apitará Santos x Vasco
Próxima: 23:07 - Torcida grita 'ão, ão, ão, segunda divisão' em São Januário