Netvasco
Clube
Notícias
Futebol
Esportes
História
Torcidas
Mídia
Interativo
Multimídia
Download
Miscelânea
Especial

Busca pesquisar

Celular
FAQ
Orkut
RSS
Twitter
Chat
Vídeos

NETVASCO - 17/03/2010 - QUA - 17:23 - VASCO EMPATA COM ASA-AL EM MACEIÓ: 1 A 1

Por pouco a zebra não deu as caras em Maceió, na tarde desta quarta-feira. Mesmo com uma atuação destacada do garoto Philippe Coutinho, o Vasco empatou por 1 a 1 com o ASA-AL, no Estádio Nelson Feijó, na capital alagoana, pela segunda fase da Copa do Brasil. Júnior Viçosa marcou para os donos da casa. E o apoiador, de apenas 17 anos, em cobrança de pênalti com paradinha igualou o marcador para o Gigante da Colina.

Com o resultado, o Vasco precisa apenas de um empate sem gols para avançar para a próxima fase da competição. O ASA-AL necessita de uma vitória no jogo de volta, que será no dia 31, em São Januário, ou de uma igualdade com o placar superior a dois gols. Repetição do 1 a 1 desta quarta-feira, a vaga será decidida nas cobranças de pênalti.

O JOGO

O Vasco bem que tentou superar a forte marcação do time alagoano no primeiro tempo, mas em vão. O ASA-AL se aproveitou do campo com dimensões reduzidas (90 metros de comprimento e 68 de largura) para se fechar e evitar o gol dos cariocas. Enquanto Philippe Coutinho tentava furar o bloqueio, os donos da casa buscavam surpreender nos contra-ataques.

E foi justamente o garoto que teve a primeira chance de abrir o marcador para o Vasco. Aos 14 minutos, Coutinho recebeu um ótimo lançamento de Jéferson na entrada da área, cortou um adversário e chutou colocado para grande defesa de Paulo César. O camisa 30 seguiu inspirado e tomando a iniciativa do jogo para tentar levar o Vasco ao ataque. No entanto, a marcação cerrada dos alagoanos conseguiu conter o ímpeto do apoiador.

Coutinho voltou a aparecer aos 31. O jogador recebeu pelo lado esquerdo e em um curto espaço de campo deu um lindo elástico no marcador. Na sequência, o garoto foi parado com falta. Sete minutos depois, o ASA-AL atingiu o seu objetivo. Em um contra-ataque rápido, Fábio Lopes lançou para Celso, que rolou para Júnior Viçosa. Já dentro da área, o atacante driblou um defensor e chutou para abrir o marcador em Maceió.

Além de lutar para superar o sol forte e o campo reduzido, o Vasco passou a brigar contra a inferioridade no placar. Aos 42, Rafael Coelho recebeu ótimo lançamento de Jéferson. O atacante deu um leve toque por cima do goleiro Paulo César, mas a bola passou por cima do gol do ASA.

O Vasco voltou para o segundo tempo consciente de que precisava colocar a bola no chão para tentar empatar o jogo. E antes do primeiro minuto, Coutinho, o mais lúcido do setor ofensivo vascaíno, perdeu uma boa chance de igualar o placar. O garoto recebeu belo passe pelo lado direito, passou por entre dois defensores e foi travado no momento do chute. A partir daí, os torcedores do Gigante da Colina no Nelson Feijó passaram a pedir a entrada de Dodô.

Aos sete, o ASA, em mais um contra-ataque, quase marcou o segundo. Rodriguinho foi lançado na grande área e chegou chutando para ótima defesa de Fernando Prass. Três minutos depois, Mancini desfez o esquema com três zagueiros. O treinador sacou Gustavo e apostou na entrada de Souza, criticado por ter caído de produção antes do confronto desta quarta-feira.

Mancini voltou a mexer na equipe, tirando Jéferson e apostando na entrada de Geovane Maranhão. Dodô seguiu no banco, mesmo com os pedidos dos torcedores. E foi o com o atacante em campo que o Vasco subiu de produção na partida. Aos 17, Souza cruzou na cabeça de Rafael Coelho, que subiu mais do que o goleiro Paulo César e deu um leve toque na bola. Na sobra, Elder Granja chutou e Edson cortou com a mão. Pênalti para o Vasco. Com categoria, Coutinho cobrou com paradinha e igualou o marcador.

O repertório de Coutinho seguiu encantando os torcedores alagoanos. Aos 24, ele deu um chapéu em um adversário e foi novamente parado com falta. Dois minutos depois, Mancini colocou Dodô na vaga de Paulinho. Aos 38, Márcio Careca cruzou na cabeça de Rafael Coelho, que quase desempatou a partida. O goleiro Paulo César voltou a fazer uma ótima defesa. Dois minutos, Souza passou por dois adversários, entrou na área e chutou em cima do arqueiro do ASA.

Aos 47, Dodô recebeu um ótimo passe de Geovane Maranhão na entrada da área. Completamente sozinho, o artilheiro chutou por cima do gol e perdeu a chance da virada.

GALERIA

[an error occurred while processing this directive]

VÍDEO


Melores momentos

FICHA TÉCNICA

ASA 1 x 1 VASCO

Local: Estádio Nelson Feijó, Maceió (AL)
Renda: R$ 81.990,00.
Público: 3.097 pagantes.

Árbitro: Claudio Francisco Lima e Silva (SE)
Auxiliares: Ivaney Alves de Souza (SE) e Cleriston Clay Barreto Rios (SE).

Cartões Amarelos: Didira, Paulo César, Edson, Danilo (ASA); Philippe Coutinho, Élder Granja, Gian, Rafael Carioca (VAS)

GOLS: Júnior Viçosa, 38'/1ºT (1-0); Philippe Coutinho, 18/2ºT (1-1)

ASA: Paulo César, Índio, Edson, Plínio; Celso, Jota, Lê, Rodriguinho (Cleiton, 33/2ºT), Fábio Lopes (Tiago, 36/2ºT) e Didira; Júnior Viçosa (Danilo, 18/2ºT). Técnico: Vica.

VASCO: Fernando Prass; Gustavo (Souza, 10/2ºT), Fernando, Gian; Élder Granja, Rafael Carioca, Paulinho (Dodô, 27/2ºT), Jeferson (Geovane Maranhão, 14/2ºT) e Márcio Careca; Philippe Coutinho e Rafael Coelho. Técnico: Vágner Mancini.

TROFÉU NETVASCO 2010

Dê suas notas agora!

Col.JogadorMédiaCol. no anoMédia no ano
Philippe Coutinho9.14657.6803
Fernando Prass7.40617.8823
Souza6.55856.7793
Rafael Carioca6.22036.0128
Rafael Coelho5.8614*6.2199
Jéferson5.7915*6.0732
Fernando5.67555.8452
Márcio Careca5.59006.2262
Gustavo5.5890*6.2230
10ºGian Mariano5.3579*5.6433
11ºÉlder Granja5.331411º5.0765
12ºGeovane Maranhão5.1799*5.9248
13ºPaulinho4.6008*4.8079
14ºDodô3.812210º5.5935
* = não classificado (menos de 10 jogos) | Total de votos: 1017 | Ranking 2010

Fonte: GloboEsporte.com (texto, ficha, vídeo), O Globo online (ficha), Alagoas 24H (fotos)

índice | envie por e-mail | espalhe

Anterior: 16:12 - Juniores: Vasco pode alcançar liderança neste sábado, contra Boavista
Próxima: 18:03 - Mancini pretendia eliminar jogo de volta, mas elogia atuação do time