Netvasco
Clube
Notícias
Futebol
Esportes
História
Torcidas
Mídia
Interativo
Multimídia
Download
Miscelânea
Especial

Busca pesquisar

Celular
FAQ
Orkut
RSS
Twitter
Chat
Vídeos

NETVASCO - 14/07/2009 - TER - 22:57 - VASCÃO VENCE VILA NOVA-GO E SE APROXIMA DO G4: 2 A 0

O Vasco parece ter reencontrado seu rumo na Série B. Conseguiu sua segunda vitória consecutiva ao bater o Vila Nova por 2 a 0 em Goiânia, mesmo atuando quase a partida inteira com um jogador a menos. O atacante Robinho foi expulso aos sete minutos. O resultado deixa o time colado nos primeiros colocados, com 20 pontos. O adversário, no outro extremo, aproxima-se da zona de rebaixamento, com 12.

Os gols foram marcados por Fágner, que voltou a jogar bem, e Elton. Mais uma vez, a defesa teve uma atuação segura. Nas poucas vezes em que falhou, brilhou a estrela do goleiro Fernando Prass, com duas defesas difíceis. O time não levou gol em nove dos 11 jogos na competição e está invicto há sete, incluindo um contra o Corinthians pela Copa do Brasil.

As duas equipes voltam a entrar em campo na sexta-feira, às 21h. O Vasco recebe o ABC em São Januário, na estreia da nova camisa, e o Vila encara o Figueirense fora de casa, no Orlando Scarpelli.

O JOGO

Robinho, que havia se destacado na vitória sobre a Ponte Preta, cometeu dois erros nos sete minutos em que esteve em campo. Primeiro, ao não passar a bola para Elton, que estava livre num contra-ataque. Depois, ao cair na provocação de Osmar.

Os dois se embolaram e caíram fora de campo, na lateral. O jogador do Vila Nova pôs a mão no rosto do vascaíno, que revidou com uma tentativa de cotovelada. Recebeu o cartão vermelho do árbitro Salvio Spínola e deixou o Vasco com um a menos, com 83 minutos de jogo pela frente. Esta foi a quinta expulsão da equipe em 11 rodadas da Série B.

O time goiano, que já tomara a iniciativa da partida, continuou com mais posse de bola, explorando as jogadas pelas pontas. O Vasco, no entanto, voltou a demonstrar segurança na defesa e não foi ameaçado. O problema era na saída para o ataque. A bola quase não parava no meio-campo, e os jogadores abusavam de lançamentos para o ataque, sem sucesso.

Aos 24 minutos, Elton fez boa jogada individual pela esquerda, mas teve seu passe interceptado por Cocito. O lance não levou muito perigo ao gol de Juninho, mas foi um divisor de águas para o Vasco no primeiro tempo. A partir dele, o time passou a tocar a bola no campo de ataque, até chegar ao gol de Fágner.

O lance se originou de uma falta duríssima de Cocito em Elton - não seria exagero se o árbitro mostrasse o segundo vermelho do jogo. Fágner cobrou a falta, pela lateral esquerda, diretamente para o gol. A bola encobriu o goleiro do Vila Nova e morreu no ângulo: 1 a 0, aos 28 minutos.

No resto do primeiro tempo, o Vasco voltou a recuar, mas ainda sem levar susto. Fernando Prass fez sua primeira defesa na partida aos 42 minutos, e ainda assim numa cabeçada despretensiosa. Na saída para o intervalo, Fágner admitiu que o gol foi sem querer:

- A intenção foi cruzar mesmo.

O Vila Nova voltou para o segundo tempo com uma substituição ousada, com Vanderlei no lugar de Cocito. E foi o atacante que protagonizou o primeiro lance de perigo dos 45 minutos finais, numa cabeçada forte que obrigou Fernando Prass a fazer bela defesa, espalmando para escanteio.

O Vasco confiava na sua defesa e se manteve atrás, esperando o adversário e saindo em contra-ataques. A melhor saída era com Fágner, pela direita. Aos 11 minutos, ele deu um drible da vaca num adversário e deu bom passe para Nilton. No entanto, o volante dominou mal a bola, deixando-a mais para o goleiro.

Na tentativa de dar mais liberdade a Fágner, Dorival Júnior pôs Paulo Sérgio em campo, para ocupar a lateral direita. Ele entrou no lugar de Alex Teixeira, ao mesmo tempo em que Enrico substituiu Souza.

Aos 20 minutos, veio a jogada fundamental para o resultado da partida. Fernando Prass fez uma defesa espetacular numa cabeçada, após desatenção da defesa vascaína. No rebote, Vanderlei perdeu chance inacreditável, cabeceando no travessão, de cara para o gol.

Três minutos depois, o Vasco fez 2 a 0, explorando uma jogada criada com a substituição de Dorival Júnior. Fágner acertou bom lançamento para Paulo Sérgio, que também caprichou no cruzamento. Elton deslocou Juninho com sua cabeçada e marcou.

O gol serviu como uma ducha de água fria para as pretensões do Vila Nova, que continuou explorando as bolas levantadas na área e as cabeçadas de Vanderlei. E o Vasco perdeu Fágner, com uma fisgada na coxa esquerda, sendo substituído por Magno.

GALERIA

[an error occurred while processing this directive]

VÍDEO



Melhores momentos

FICHA TÉCNICA

VILA NOVA 0 X 2 VASCO

Estádio: Serra Dourada, Goiânia (GO)
Data/hora: 14/7/2009 - 21h

Árbitro: Salvio Spinola Fagundes Filho (FIFA-SP)
Auxiliares: Hilton Francisco de Melo (SP) e Everson Luis Luquesi Soares (SP)

Renda/público: R$ 260.315,00 /15.941 pagantes

Cartões amarelos: Thiago Carvalho, Cocito, Otacílio, Leonardo e Pachola (VIL); Titi (VAS)
Cartão vermelho: Robinho, 6'/1ºT (VAS)

GOLS: Fagner, 28'/2°T (0-1); Elton, 23/2°T (0-2)

VILA NOVA: Juninho, Osmar, Thiago Carvalho, Leonardo e Ralph (Dida, 22'/2°T); Cocito (Vanderlei, intervalo), Rafinha, Otacílio e Pachola; Rogério (Leandrinho, 13'/2°T) e Willian. Técnico: Vagner Benazzi.

VASCO: Fernando Prass, Fagner (Magno, 28'/2°T), Vilson, Titi e Ernani; Amaral, Nilton, Souza (Paulo Sérgio, 19'/2°T) e Alex Teixeira (Enrico, 19'/2°T); Robinho e Elton. Técnico: Dorival Júnior.

TROFÉU NETVASCO 2009

Dê suas notas agora!

Col.JogadorMédiaCol. no anoMédia no ano
Fernando Prass9.70838.6567
Fagner8.9445*7.6096
Élton8.212110º6.6930
Vilson7.80486.7165
Titi7.520711º6.6065
Souza7.3988*6.3506
Paulo Sérgio7.01826.8108
Amaral7.011413º6.3465
Nilton7.00517.0050
10ºAlex Teixeira6.391216º5.9111
11ºErnani5.8285*5.3461
12ºMagno5.3730*5.5258
13ºEnrico5.114318º5.7632
14ºRobinho1.8950*5.8878
* = não classificado (menos de 10 jogos) | Total de votos: 2362

Fonte: GloboEsporte.com (texto, vídeo), Lancenet (ficha, fotos), O Globo on line (foto), Terra (foto)

índice | envie por e-mail

Anterior: 22:36 - Dorival Júnior critica Robinho por expulsão
Próxima: 22:57 - Basquete: Vice de esportes olímpicos nega formação de time em 2009