Netvasco
Clube
Notícias
Futebol
Esportes
História
Torcidas
Mídia
Interativo
Multimídia
Download
Miscelânea
Especial

Busca pesquisar

Celular
FAQ
Orkut
RSS
Twitter
Chat
Vídeos

NETVASCO - 16/05/2009 - SÁB - 18:07 - VASCÃO 100% VENCE CEARÁ EM FORTALEZA: 2 A 0

Capítulo II. Palco: Castelão, em Fortaleza. Vitória sofrida, com a assinatura do lateral-esquerdo Ramon. Ele marcou o primeiro gol com um preciso chute de longe. E fez toda a jogada do segundo marcado por Léo Lima. No final, Vasco 2 a 0 sobre o Ceará, pela segunda rodada da Série B. Com duas vitórias, o time carioca está com seis pontos e 100% de aproveitamento. Já o Ceará soma apenas um.

Na terceira rodada, o Vasco enfrenta o Atlético-GO, no sábado, em São Januário, às 16h10m. A partida deve marcar a estreia do atacante Aloísio Chulapa. Mas antes o time carioca encara o Vitória, na quarta-feira, em Salvador, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Já o Ceará volta a campo para enfrentar o Bahia, fora de casa, no sábado, às 16h10m.

O Vasco entrou em campo com muitos desfalques. Sem Rodrigo Pimpão e Carlos Alberto, o time demorou um pouco para se encontrar. Apoiado pelos torcedores, o Ceará começou pressionando. Mas não conseguia concluir. Wellington Amorim era bem marcado por Amaral. O Vasco saia no contra-ataque. E criou duas boas oportunidades.

O JOGO

Aos 10 minutos, Magno roubou uma bola no campo de defesa e tocou para Elton. O atacante viu bem a entrada livre de Paulo Sérgio pela esquerda. O lateral driblou o goleiro, mas na hora de fazer o gol pegou muito embaixo na bola, que subiu e passou por cima do travessão.

Quatro minutos depois, novamente Magno começou a jogada e tocou para Elton. De primeira, o atacante passou para Enrico. O meia se livrou do marcador, entrou na área e chutou forte por cima do gol de Marcelo Bonan.

Aos 19 minutos, Nilton foi puxado na área e o árbitro Nielson Nogueira Dias ignorou um pênalti claro a favor do Vasco. O time carioca marcava forte e conseguia sair rápido para o ataque. Mas devido ao forte calor de Fortaleza começou a perder o ritmo.

Cansado, o time relaxou nos últimos dez minutos do primeiro tempo. E o Ceará teve três ótimas chances para abrir o placar. Preto recebeu ótimo passe na área de Geraldo, mas foi travado por Vilson na hora da conclusão. A bola sobrou, então, limpa para Wellington Amorim fazer o gol. Mas o atacante do Ceará tocou muito de lado e a bola bateu na trave e saiu pela linha de fundo.

O Castelão por alguns momentos parecia o Maracanã. A torcida do Ceará cantava uma música adotada pelo Botafogo: "E ninguém cala esse nosso amor, é por isso que eu canto assim; é por ti vovô". Só trocava a última palavra "fogo" por "vovô", que é o apelido do time cearense.

No ataque seguinte, Preto dominou no peito e girou. O chute, de frente para o gol, foi para fora. E aos 43 minutos, Preto recebeu nas costas de Ramon e chutou cruzado. A bola passou por Fernando Prass e o zagueiro Vilson conseguiu tocar para escanteio antes de Wellington Amorim fazer o gol. E o primeiro tempo terminava para um certo alívio para os cariocas.

- Nosso time parou depois dos 25 minutos de jogo. O Ceará pressionou e até merecia fazer um gol - disse o técnico Dorival Júnior no intervalo.

Ramon comemora o primeiro gol do Vasco O Vasco voltou para o segundo tempo com Edgar no lugar do estreante Magno. O Ceará seguiu com a pressão, mas insistia nos cruzamentos para a área. Com uma defesa alta, os cruzmaltinos conseguiam se livrar do perigo.

Foi quando entrou em cena a estrela do técnico Dorival Júnior. Ramon avançou bem pela esquerda, cortou para o meio e tentou um toque para Edgar. Na área técnica, o comandante cruzmaltino ficou desesperado e gritou e gesticulou para o lateral-esquerdo chutar para o gol nesta situação. A jogada continuou, o Vasco conseguiu roubar a bola e Ramon recebeu passe. Fez uma jogada parecida e, agora, soltou a bomba. Chute no canto esquerdo de Marcelo Bonan, que só olhou. Um bonito gol.

Na comemoração, Ramon saiu correndo para o banco de reservas e apontando o dedo para o técnico Dorival Júnior. O abraço no comandante foi forte e emocionado. Foi o primeiro gol do lateral-esquerdo na temporada. Os cerca de 3.000 torcedores do Vasco que compareceram no Castelão para apoiar o time começaram a fazer uma grande festa.

Em desvantagem, o técnico Zé Teodoro fez duas mudanças no Ceará. Colocou André Neles e Esley nos lugares de Preto e Reinaldo, respectivamente. O time da casa melhorou. Aos 13 minutos, o Ceará quase empatou em uma grande jogada de Geraldo. O camisa 10 do time cearense fez fila na defesa do Vasco, entrou na área e chutou na saída de Fernando Prass. O goleiro defendeu com os pés e evitou o empate.

Nervoso, o Vasco começou a fazer muitas faltas e reclamar com a arbitragem. Ramon, Edgar e Elton levaram cartões amarelos em menos de três minutos. Dorival Júnior resolveu fortalecer a marcação. Tirou Nilton e Enrico e colocou Bruno Gallo e Mateus no time.

Léo Lima passou a comandar o meio-campo. E criou duas boas oportunidades. Primeiro deu um passe para Elton, que chutou mal e o goleiro Marcelo Bonan defendeu. Depois, o toque foi para Edgar, que se enrolou com os zagueiros e perdeu a chance.

O Vasco errava muitos passes, o que deixava Dorival Júnior louco à beira do campo. O treinador gesticulava e pedia mais calma ao time. Wellington Amorim arriscou de fora da área e o goleiro Fernando Prass espalmou. Geraldo fez outra boa jogada, entrou na área pela direita e novamente o camisa 1 vascaíno evitou o gol do Ceará.

Mas na raça de Ramon, o Vasco decidiu a partida. O lateral-esquerdo roubou uma bola na defesa e arrancou. Ele tabelou com Elton e chutou forte quase sem ângulo. O goleiro Marcelo Bonan conseguiu defender, mas a bola sobrou limpa para Léo Lima, que só tocou para o gol vazio: 2 a 0. Foi o sexto gol de Léo Lima na temporada. E o grito de "Vamos subir, Vasco" tomou conta do Castelão até o fim da partida.

GALERIA

[an error occurred while processing this directive]

VÍDEOS



Melhores momentos

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 0 X 2 VASCO

Estádio: Castelão, Fortaleza (CE)
Data/hora: 15/5/2009 - 16h10min (de Brasília)

Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE)
Auxiliares: Erich Nogueira (PE/Fifa) e Ubirajara Ferraz Jota (PE)

Público pagante: 27.629. Publico presente: 32.134

Cartões amarelos: João Marcos, Michel (CEA); Léo Lima, Amaral, Ramon, Edgar, Elton (VAS).

GOLS: Ramon, 5'/2ºT (0-1); Léo Lima, 37'/2ºT (0-2)

VASCO: Fernando Prass, Paulo Sérgio, Vilson, Gian e Ramon; Amaral, Nilton (Bruno Gallo - 21'/2ºT), Léo Lima e Enrico (Mateus - 21'/2ºT); Magno (Edgar - Intervalo) e Elton. Técnico: Dorival Júnior.

CEARÁ: Marcelo Bonan; Boiadeiro, Fabrício, Erivélton e Fábio Vidal; Michel, João Marcos (Branquinho - 29'/2ºT), Geraldo e Reinaldo (Eisley - 11'/2ºT); Preto (André Néles - 11'/2ºT) e Wellington Amorim. Técnico: Zé Teodoro.

TROFÉU NETVASCO 2009

Dê suas notas agora!

Col.JogadorMédiaCol. no anoMédia no ano
Fernando Prass9.3148*8.6853
Ramon9.28777.4898
Vilson7.9520*6.2953
Léo Lima7.885513º6.0167
Paulo Sérgio7.38757.0305
Amaral7.367411º6.1222
Nilton7.21817.5182
Gian Mariano7.2158*6.3019
Mateus6.216612º6.0556
10ºÉlton5.83846.8419
11ºEnrico5.822114º6.0087
12ºBruno Gallo5.7865*6.0600
13ºMagno4.7773*4.7773
14ºEdgar4.2506*5.1578
* = não classificado (menos de 10 jogos) | Total de votos: 1293

Fonte: Lancenet (texto, ficha), GloboEsporte.com (fotos, vídeo), O Dia (fotos), Terra (fotos)

índice | envie por e-mail

Anterior: 16:34 - Torcida do Vasco leva apitos para o Castelão
Próxima: 18:22 - Vasco sobe de 8º para 5º na tabela da Série B