A História do Campeonato Brasileiro

O Campeonato Brasileiro, conhecido nos seus primeiros anos como Campeonato Nacional, foi a sucessão natural do Torneio Roberto Gomes Pedrosa ou Taça de Prata, que por sua vez havia sido o resultado da expansão do Rio-São Paulo. O Campeonato Brasileiro foi disputado sobre as mais diversas formas, chegando a ter 96 participantes em 1979.

De 1971 a 1989, o campeão e o vice estavam classificados para a Copa Libertadores do ano seguinte.

ANO        CAMPEÃO         VICE

1971    Atlético-MG        São Paulo-SP
1972    Palmeiras-SP       Botafogo-RJ
1973    Palmeiras-SP       São Paulo-SP
1974    Vasco-RJ           Cruzeiro-MG
1975    Internacional-RS   Cruzeiro-MG
1976    Internacional-RS   Corinthians-SP
1977    São Paulo-SP       Atlético-MG
1978    Guarani-SP         Palmeiras-SP
1979    Internacional-RS   Vasco-RJ
1980    Flamengo-RJ        Atlético-MG
1981    Grêmio-RS          São Paulo-SP
1982    Flamengo-RJ        Grêmio-RS
1983    Flamengo-RJ        Santos-SP
1984    Fluminense-RJ      Vasco-RJ
1985    Coritiba-PR        Bangu-RJ
1986    São Paulo-SP       Guarani-SP
1987    Sport-PE           Guarani-SP  (pela CBF - foram p/a Libertadores)
        Flamengo-RJ (*)    Internacional-RS (pelo Clube dos 13 - Módulo Verde da Copa União)
1988    Bahia-BA           Internacional-RS
1989    Vasco-RJ           São Paulo-SP

....... a partir de 1990, só o campeão vai para a Libertadores

1990    Corinthians-SP     São Paulo-SP
1991    São Paulo-SP       Bragantino-SP
1992    Flamengo-RJ        Botafogo-RJ
1993    Palmeiras-SP       Vitória-BA
1994    Palmeiras-SP       Corinthians-SP
1995    Botafogo-RJ        Santos-SP
1996    Grêmio-RS          Portuguesa-SP
1997    Vasco-RJ           Palmeiras-SP
1998    Corinthians-SP     Cruzeiro-MG

....... a partir de 99, vão para a Libertadores o campeão, o
        vice e os melhores colocados de outras competições

1999    Corinthians-SP     Atlético-MG
2000    Vasco-RJ           São Caetano-SP
2001    Atlético-PR        São Caetano-SP
2002    Santos-SP          Corinthians-SP

....... a partir de 2003, o campeonato passa a ser disputado por
        pontos corridos; vão para a Libertadores os quatro melhores
        colocados além dos melhores colocados de outras competições

ANO        CAMPEÃO         VICE               TERCEIRO           QUARTO

2003    Cruzeiro-MG        Santos-SP          São Paulo-SP       São Caetano-SP   (O quinto, Coritiba-PR, vai para a Libertadores porque o Cruzeiro já estava classificado como campeão da Copa do Brasil)
2004    Santos-SP          Atlético-PR        São Paulo-SP       Palmeiras-SP
2005    Corinthians-SP     Internacional-RS   Goiás-GO           Palmeiras-SP
2006    São Paulo-SP       Internacional-RS   Grêmio-RS          Santos-SP        (O quinto, Paraná-PR, vai para a Libertadores porque o Internacional já estava classificado como o campeão da Liberadores do ano anterior)
2007    São Paulo-SP       Santos-SP          Flamengo-RJ        Fluminense-RJ    (O quinto, Cruzeiro-MG, vai para a Libertadores porque o Fluminense já estava classificado como campeão da Copa do Brasil)
2008    São Paulo-SP       Grêmio-RS          Cruzeiro-MG        Palmeiras-SP
2009    Flamengo-RJ        Internacional-RS   São Paulo-SP       Cruzeiro-MG
2010    Fluminense-RJ      Cruzeiro-MG        Corinthians-SP     Grêmio-RS
2011    Corinthians-SP     Vasco-RJ           Fluminense-RJ      Flamengo-RJ    (O quinto, Internacional-RS, vai para a Libertadores porque o Vasco já estava classificado como campeão da Copa do Brasil)
2012    Fluminense-RJ      Atlético-MG        Grêmio-RS          São Paulo-SP
2013    Cruzeiro-MG        Grêmio-RS          Atlético-PR        Botafogo-RJ
2014    Cruzeiro-MG        São Paulo-SP       Internacional-RS   Corinthians-SP
2015    Corinthians-SP     Atlético-MG        Grêmio-RS          São Paulo-SP

....... a partir de 2016, os classificados para a Libertadores
        passam a ser os seis melhores colocados, além dos
        classificados pela Copa do Brasil e Copa Sul-Americana

ANO        CAMPEÃO         VICE               TERCEIRO           QUARTO           QUINTO           SEXTO

2016    Palmeiras-SP       Santos-SP          Flamengo-RJ        Atletico-MG      Botafogo-RJ      Atlético-PR
2017    Corinthians-SP     Palmeiras-SP       Santos-SP          Grêmio-RS        Cruzeiro-MG      Flamengo-RJ (O sétimo, Vasco-RJ, vai para a Libertadores porque o Cruzeiro já estava classificado como campeão da Copa do Brasil)
2018    Palmeiras-SP       Flamengo-RJ        Internacional-RS   Grêmio-RS        São Paulo-SP     Atlético-MG
2019    Flamengo-RJ        Santos-SP          Palmeiras-SP       Grêmio-RS        Athletico-PR     São Paulo-SP (O sétimo, Internacional-RS, e o oitavo, Corinthians-SP, vão para a Libertadores porque o Flamengo e o Athletico-PR já estavam classificados como campeões da Libertadores e Copa do Brasil, respectivamente)

No final de 2010, a CBF, através de uma resolução da presidência, decidiu unificar os títulos do Campeonato Brasileiro, Taça Brasil e Robertão/Taça de Prata.

(*) Em 2011, a CBF, através de mais uma resolução da presidência, chegou a reconhecer o Sport-PE e o Flamengo-RJ como campeões brasileiros de 1987. Posteriormente, a justiça obrigou a CBF a voltar atrás, pois a CBF estaria descumprindo a decisão anterior do STJ transitada em julgado no ano de 1999 e com prazo expirado para se recorrer da sentença desde 2001. Permanece, assim, o Sport-PE como único campeão brasileiro de direito de 1987.

Veja também: Os Artilheiros do Campeonato Brasileiro


[Brasil, Terra do Futebol (Português)] [Brazil, the Land of Football (English)]
[FAQ] [Copas/WorldCups] [Notícias/News] [Clubes/Clubs] [História/History] [Sites]

Atualizado em 9/dez/2019.

Mauro Prais
Email: mauro.prais@ieee.org