Torcida 'veta' Diguinho e Juninho Pernambucano defende volante: 'Um único jogador não pode ser culpado'

Quinta-feira, 27/10/2016 - 03:27
comentários

O Vasco da Gama não passou de um empate sem gol diante do Avaí na noite desta quarta-feira (26), no estádio São Januário, em partida válida pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B. Jogando em casa, o time vascaíno pressionou, mas não conseguiu superar o goleiro adversário.

Tensa, a torcida que se fez presenta Colina Histórica buscou dar forças ao time na maior parte do duelo e também, por meio de vaias e gritos, ajudar o treinador Jorginho a tornar a equipe melhor. Pouco antes de trocar Éderson por Jorge Henrique, Jorginho chegou a conversar com o volante Diguinho e, ao ver essa cena, parte dos torcedores que ocuparam a Social de São Januário começaram a gritar para que o treinador não colocasse o meia em campo.

A atitude da torcida do Vasco foi criticada por Juninho Pernambucano, que comentou a partida pela Rede Globo.

“É muito triste isso, quando se perde, se está em momento difícil um único jogador não pode ser culpado”.




Fonte: Torcedores.com